Pastore Car Collection

ver filtros
Categorias
Fabricante
Ano
Opcionais
Vendido

Fiat Tempra Turbo

Fiat Tempra Turbo

  • Informações Gerais

    Marca: Fiat
    Modelo: Tempra Turbo
    Ano Fabricação/Ano Modelo: 1995/1995
    Cor: Vermelho Alpine
    Portas: 2
    Quilometragem: 102.000
    Dimensões - Comp./Largura/Altura (mm): 4354/1702/1457
    Ocupantes: 5

  • Mecânica e Segurança

    Combustível: Gasolina
    Motor: 2.0 Turbo
    Potência: 165 CV
    Velocidade Máxima: 220 Km/h
    Câmbio: Manual - 5 Velocidades
    Tração: Dianteira
    Aceleração 0-100km/h: 8,2 Segundos
    Freios: Disco nas 4 Rodas
    Rodas: Liga Leve R14
    Direção Hidráulica: Sim

  • Acessórios/Opcionais

    Ar Condicionado: Sim
    Trio Elétrico (Vidro, trava e espelho elétrico): Sim
    Sistema de Som: Rádio AM/FM + Toca Fitas

  • Informações Extra

    País de Origem: Brasil

ATENÇÃO! Devido a grande rotatividade em nosso estoque, se faz necessário a consulta diretamente em nossa loja para certificar de que o veículo ainda se encontra sob nossos cuidados. O valor do anúncio deve ser confirmado, pois o mesmo pode ter sido ajustado em nossa loja e ainda não ter sido modificado neste site. Obrigado pela compreensão. Pastore Car Collection.

Observações

Fiat Tempra Turbo 1995/1995 na cor Vermelho Alpine. Veículo em raro estado de conservação, com manual do proprietário!

Motor 2.0 com oito válvulas, comando duplo e turbocompressor operando a 0,8 bar. Potência de 165 cv a 5.250 rpm e torque de 26,5 mkgf.

O Tempra Turbo acelera de 0 a 100 km/h em 8,2 segundos, com máxima de 220 km/h.

O Fiat Tempra teve uma partida a frio no Brasil. Não que não tenha vendido bem em 1992, quando estreou e amealhou 18 mil proprietários. Mas o carro deslanchou mesmo nos anos seguintes com as primeiras novidades, a começar pela versão 2.0 16V de 127 cv. Era rápido, mas não chegava perto do mais caro Chevrolet Omega 3.0 de 165 cv nem do Chevrolet Vectra GSi 2.0 16V de 150 cv. O Fiat só ficaria tão forte quanto esses rivais em 1994. Na época, a marca italiana já havia lançado o Uno Turbo 1.4, que extraia 115 cv e deixava outros foguetes de bolso para trás.
Quando aplicou a mesma receita ao 2.0 8V do Tempra, chegou a 165 cv e 26,5 kgfm de torque.

Chegava rápido e sem chamar tanta atenção. A carroceria duas portas não era diferente da convencional, dispensava os borrachões laterais e adotava apenas saias laterais, aerofólio e inscrições Turbo.

A discrição ficou ainda maior em 1996, quando surgiu a versão Turbo Stile. Era basicamente o Turbo com quatro portas e sem aerofólio. Durou pouco e saiu de linha sem receber a última reestilização da linha 1998. A tradição de sedãs médios sobrealimentados sobreviveu, contudo, e logo foi bem representada pelo Marea Turbo 2.0 20V de 182 cv.

Outros veículos sugeridos: